Ar de Paris

Paris não tem fim

 

"A Paris de cada um é a real. A cidade é democrática, individual, pessoal e intransferível. A de cada um, miríade de espelhos, segredos e labirintos, é a verdadeira."

 

 


 

 

Imagem: Gilberto Perin (Paris França), 2009

publicado por ardotempo às 11:14 | Comentar | Adicionar