Da Literatura sobre Clarice Lispector

João Paulo Sousa - Da Literatura

 

Imagino que nunca me esquecerei da minha primeira leitura de uma obra de Clarice Lispector, não porque as circunstâncias que a rodearam tivessem algo de anormal (bem pelo contrário), mas apenas pelo efeito que me provocou a descoberta da escrita da autora de A Maçã no Escuro (1961). Essa revelação deu­‑se com Uma Aprendizagem ou o Livro dos Prazeres (1969), a que haveria de se seguir A Paixão segundo G. H. (1964). Foi, por isso, com uma grande satisfação que descobri um blogue como o Projecto Clarice, da autoria de Patrícia Lino, aluna da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, que o criou no âmbito da disciplina de Métodos e Técnicas de Pesquisa. Se o objectivo maior do trabalho consiste em divulgar a obra de Clarice Lispector, o modo como o concretiza é, em simultâneo, invulgar e fascinante.

 

 

Ao longo de várias etapas, Patrícia Lino propõe­‑se construir um suporte escrito, um conjunto fotográfico, um trabalho digital, representações pictóricas da escritora e uma curta­‑metragem, para além de realizar várias sessões de leitura em escolas do distrito do Porto.

 

A concretização destas actividades pode começar a ser verificada no blogue, que já mereceu a atenção, entre outros, do Ciberescritas, do Bibliotecário de Babel ou da revista Ler. Se servir para que mais alguém descubra o universo literário desta autora tão fascinante, o Projecto Clarice terá, seguramente, cumprido o seu papel.

 

Publicado no Blog Da Literatura

publicado por ardotempo às 12:02 | Comentar | Adicionar