Aforismo Borgesiano - 48

 Minotauro

 

"O Minotauro combina muitos traços diversos ou contraditórios. Tem algo de animal, algo de humano e até mesmo algo de divino. Comete crimes, mas sente-se inocente porque está inconsciente do que faz. Confessa sua ignorância mas orgulha-se dela. É tão magnânimo que não sabe ler."

 

 

©Jorge Luis Borges / Borges Verbal, Emecé Editores – Buenos Aires Argentina

publicado por ardotempo às 14:05 | Adicionar