Quinta-feira, 14.01.10

Bienal Biblioteca Virtual

Nova Biblioteca Virtual da Bienal do Mercosul facilita pesquisa online

 
Livros, imagens, vídeos e outros documentos sobre arte contemporânea e as sete edições da Bienal do Mercosul podem ser consultados através da internet
 
A nova Biblioteca Virtual da Fundação Bienal do Mercosul já está disponível através do site www.bienalmercosul.art.br. Nos links “Biblioteca Virtual” e “Bienais Anteriores” os pesquisadores podem ter acesso aos mais de 16 mil itens do acervo do Núcleo de Documentação e Pesquisa da Fundação Bienal do Mercosul – NDP, composto por documentos textuais, audiovisuais, eletrônicos e iconográficos sobre as Bienais do Mercosul e arte contemporânea latino-americana.
 
O Núcleo de Documentação e Pesquisa – NDP, criado em outubro de 2004, é um setor institucional e permanente da Fundação Bienal do Mercosul que tem por objetivo zelar pelo patrimônio histórico da Instituição. O acervo físico do NDP - que tem funções de arquivo e biblioteca - é composto por materiais audiovisuais com mais de 1.500 peças digitalizadas (VHS, U-Matic, fitas cassetes, CDs e DVDs); acervo bibliográfico com mais de 2.500 volumes (livros, catálogos e periódicos) sobre arte contemporânea, artistas, arte-educação, entre outros, e acervo iconográfico com 5.000 imagens digitalizadas (fotos em papel, cromos, slides e negativos) sobre obras, artistas e exposições da Bienal do Mercosul, dentre as mais de 16 mil imagens catalogadas. O acervo textual inclui cerca de 8.000 registros de documentos sobre a origem da Bienal de Artes Visuais do Mercosul e o projeto pedagógico, a produção executiva e dossiê dos artistas participantes das Bienais do Mercosul.
 
A reformulação da Biblioteca Virtual começou em agosto de 2008, com aprovação de projeto pelo Ministério da Cultura através da Lei Rouanet. O projeto previa a digitalização e preservação do acervo do NDP, o gerenciamento das informações através da criação de um banco de imagens e da estruturação da área de Tecnologia da Informação, além da realização do Seminário sobre Preservação e Disponibilização Eletrônica de Acervos Históricos e Culturais, ocorrido em outubro de 2009. Um terminal para consultas, hoje instalado na sede da Fundação Bienal do Mercosul, também está disponível aos interessados. Segundo a coordenadora do NDP, Fernanda Ott, “a revitalização da Biblioteca no site da Bienal possibilita o acesso digital a grande parte dos materiais, além de fornecer a lista completa da documentação existente no acervo da Fundação Bienal do Mercosul, disponível também para consulta física”. A consulta presencial ao acervo do NDP por professores, estudantes, pesquisadores e público interessado em geral é conduzida por meio de atendimento individualizado, com agendamento prévio, e de forma gratuita. O agendamento pode ser realizado através do telefone 51 3254 7500 e pelo email memoria@bienalmercosul.art.br.
 
Nos anos de 2008 e 2009, foram realizados 221 atendimentos ao público. O NDP também oferece suporte aos curadores das Bienais do Mercosul para o planejamento e a execução do Projeto Curatorial de cada evento, realizando pesquisas sobre artistas e temas relacionados às Bienais e à arte contemporânea.
 
publicado por ardotempo às 01:56 | Comentar | Adicionar
Sexta-feira, 26.06.09

Brasiliana, de José Mindlin

Brasiliana Digital: uma biblioteca para todos


Foi lançado oficialmente no dia 16 de junho de 2009, o Projeto Brasiliana Digital com cerca de 40.000 documentos digitalizados, com acesso livre em internet, tendo como ponto de partida uma coleção reunida pelo bibliófilo José Mindlin, durante 80 anos, e finalmente doada à Universidade de São Paulo, em 2006.

Esta biblioteca digital traz uma extraordinária coleção de livros, manuscritos e outros materiais sobre a história e a cultura do Brasil. Os livros publicados pela Brasiliana Digital são todos de domínio público e poderão ser usados para nortear pesquisas científicas, na educação formal e informal e no desejo de conhecimento e de formação
dos cidadãos.

Os documentos estão organizados por tipo - livros, periódicos, manuscritos, mapas, imagens e obras de referência (dicionários e catálogos) e a busca pode ser feita por autor, título ou data de publicação. Dicas para melhorar a busca e a visualização podem ser consultadas no Manual de Uso da Biblioteca Brasiliana Digital.

Vale a pena conhcer minuciosamente a Brasiliana Digital e saber mais sobre o projeto completo da Brasiliana USP que inclui a construção de um edifício novo, de arquitetura contemporânea e absolutamente dedicado à biblioteca, com 20.000 metros quadrados de área, no campus da Cidade Universitária da USP, em São Paulo SP.

Endereço da Biblioteca Brasiliana USP:
Praça da Reitoria, s/n 
Cidade Universitária
05508-030 São Paulo SP

Informações disponíveis sobre a Brasiliana USP em http://www.brasiliana.usp.br

 

publicado por ardotempo às 20:29 | Comentar | Ler Comentários (1) | Adicionar
Domingo, 09.03.08

Um livro fabuloso, um vídeo bem bonito


A Biblioteca à Noite é um livro encantador sobre o tema dos livros e principalmente, o das bibliotecas. Fala de sua concepção ao longo da História, conta os episódios interessantes que as envolveram, particularizaram e imortalizaram, descreve as grandes construções (os mega-projetos e as situações mais singelas) e o desenvolvimento dos métodos de catalogação dos livros. Faz a sua relação com os autores, com as obras, com as suas curiosidades, de uma forma apaixonante, revelando a profunda ternura e o desvelo do autor, Alberto Manguel, pelo objeto de seu prazer.

O texto é escorreito, elegante e magnético.

Lê-se o livro com atenção concentrada e fica-se imediatamente
tomado pelo desejo de compor uma grande biblioteca, própria, com sistemas de codificação padronizados e localização instantânea dos livros tombados. Tombados sob um ex-libris particular a ser urgente e impulsivamente criado, com design especial…
O leitor é elevado, ao longo do livro, à condição de bibliotecário ideal, uma vocação até então, oculta e despercebida pelo próprio eleito.

Um belo livro que vale ser lido e um pequeno vídeo bem interessante que o divulga, em espanhol, mas que se apresenta totalmente compreensível a todos. Veja aqui



A BIBLIOTECA À NOITE
Autor: Alberto Manguel
Editora: Companhia das Letras
Ensaio / 302 páginas – 2006
ISBN 85-359-0881-1

(Agradecimento especial a essa indicação, por parte de José Mário Silva, em seu criterioso e sofisticado blog Bibliotecário de Babel)
publicado por ardotempo às 04:29 | Comentar | Adicionar

Editor: ardotempo / AA

Pesquisar

 

Fevereiro 2012

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29

Posts recentes

Arquivos

tags

Links

Vale a pena visitar


Verdes Trigos Cultural

Visitantes

Tradutor Torto

PageRank
eXTReMe Tracker